Serra Azul Notícias

Terça-feira, 23 de Julho de 2024
Advogado atropela homem três vezes em posto de combustível

Policial

Advogado atropela homem três vezes em posto de combustível

O homem foi preso nesta segunda-feira (1°)

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Um advogado, de 38 anos, foi preso nesta segunda-feira (1°), suspeito de atropelar um homem, bacharel em direito de 39 anos, em um posto de combustível no Setor Sul, em Goiânia. Imagens de uma câmera de segurança mostra quando o veículo conduzido pelo advogado atropela o homem três vezes vezes. O crime aconteceu na quinta-feira (27).

Segundo a Polícia Civil, os dois homens chegaram juntos ao local e foram flagrados conversando de forma amigável e tomando bebidas alcoólicas na loja de conveniência do posto. Em certo momento, o autor sai com seu carro, porém a vítima foi até o seu encontro e, depois de um breve diálogo, acontece o atropelamento e o advogado foge do local.

O bacharel em direito foi socorrido pelas pessoas presentes no local, foi levado para o hospital e, segundo informações, já teve alta. Segundo a PC, após fugir do posto, o autor se envolveu em um acidente de trânsito que resultou no capotamento do carro. A Polícia Civil localizou o advogado na casa de um parente na segunda-feira (1°).

Leia Também:

De acordo com o delegado Paulo Ribeiro da Silva, o advogado tem escritórios em Palmas, no Tocantins, e em Goiânia. Ainda segundo o delegado, a vítima, também de Palmas, estava viajando de carro para São Paulo e parou em Goiânia por questões relacionadas ao veículo. O investigador também informou que os envolvidos alegaram em depoimento não se lembrar dos eventos que levaram ao atropelamento.

A Polícia Civil informou que o advogado foi preso por tentativa de homicídio e que está investigando a motivação do crime. O delegado informou que funcionários do estabelecimento também serão ouvidos.

Em nota, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), informou que ainda não tem conhecimento dos fatos noticiados e, portanto, não se manifestará por enquanto.

Nota da OAB 

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás (OAB-GO) informa que não tem conhecimento dos fatos recentemente noticiados. Portanto, até o presente momento, não se manifestará sobre o assunto. Assim que tomar conhecimento formal do caso, esta Seccional informará à OAB Tocantins (OAB-TO), que é competente para tratar da conduta deste inscrito.

É importante esclarecer que, considerando que o advogado em questão possui inscrição principal no Estado do Tocantins, as medidas cautelares pertinentes são de competência exclusiva da OAB-TO. Contudo, qualquer representação ético-disciplinar, se necessária, deverá ser tratada pelo órgão competente do local onde os fatos ocorreram.

FONTE/CRÉDITOS: Com informações do G1
FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): Imagem: Reprodução
Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )