Serra Azul Notícias

Sabado, 13 de Abril de 2024
PREFEITURA DE URUAÇU
PREFEITURA DE URUAÇU

Notícias Saúde

Em Porangatu, Polícia Federal realiza operação para investigar corrupção na saúde pública

Segundo a polícia, há fortes indícios de participação de integrantes da família da prefeita, Vanuza Valadares.

Em Porangatu, Polícia Federal realiza operação para investigar corrupção na saúde pública
A ação investiga desvio de recursos públicos na área da saúde.
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Em Porangatu, a Polícia Federal (PF) cumpre mandados de busca e apreensão na 2ª fase da Operação Laboratórios Premiados deflagrada na manhã desta quarta-feira (27). O inquérito policial investiga desvio de recursos públicos na área da saúde, em contratações realizadas pela prefeitura de Porangatu com supostos direcionamentos a clínicas de exames laboratoriais e de imagem do município.

Segundo a polícia, os objetos arrecadados evidenciaram a participação de integrantes da família da prefeita, Vanuza Valadares, na gestão da administração municipal, mesmo sem os familiares ocuparem um cargo formal na Administração Pública. Foram encontrados fortes indícios de prática de corrupção por parte de um dos familiares.

Os mandados de hoje (27), têm por objetivo coletar mais elementos de informação e provas, a fim de esclarecer os vínculos entre a chefe do Executivo e seus familiares com os empresários proprietários de clínicas e laboratórios que prestavam serviço no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Leia Também:

Segundo a polícia, algumas das hipóteses criminais foram comprovadas após análise dos documentos e objetos apreendidos na primeira fase da operação. Quatros mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em desfavor de 3 pessoas físicas, para serem cumpridos nas cidades de Goiânia (GO) e Porangatu (GO).

A 1ª fase da Operação foi deflagrada há um ano pela PF e a Controladoria Geral da União (CGU), em 16 de março de 2023. Esta etapa indicou que alguns laboratórios receberam verbas destinadas à saúde pública, gerida pelo município, durante as gestões municipais de 2012 a 2016 e 2020 a 2022. A polícia disse também que encontrou irregularidades nos processos licitatórios de contratação dos laboratórios envolvidos.

Em contato com a prefeitura de Porangatu, a Rede Serra Azul foi informada que a gestão municipal, até o momento, não recebeu nenhum documento e nem policiais nesta data. 

NOTA À IMPRENSA:

A Prefeitura de Porangatu informa que ate o momento não recebeu nenhum documento e não houve qualquer tipo de operação da PF nos órgãos municipais e nem mesmo em nenhum agente público municipal e nesta data.

A atual administração enfatiza que não compactua com qualquer irregularidade e vem colaborando com a investigação e estar à disposição para prestar esclarecimento aos órgãos de fiscalização e autoridades. 

Seguimos apoiando a apuração e desempenhando ações com total transparência e legalidade na aplicação dos recursos públicos.

 

 

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!