Serra Azul Notícias

Sabado, 13 de Abril de 2024
PREFEITURA DE URUAÇU
PREFEITURA DE URUAÇU

Notícias Policial

Motorista em zigue-zague é preso em flagrante por embriagues ao volante na BR-153

A prisão foi realizada pela PRF que no mesmo dia prendeu outro condutor que se envolveu em um acidente de trânsito e também estava bêbado.

Motorista em zigue-zague é preso em flagrante por embriagues ao volante na BR-153
Imagem: PRF
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu dois motoristas por embriaguez ao volante e por porte ilegalmente munições de arma de fogo, em Gurupi e em Miracema, região sul e noroeste do tocantinenses, respectivamente. Os dois episódios ocorreram na última sexta-feira (29).
 
Em Gurupi, uma motocicleta de cor vermelha estaria em zigue-zague, no km 666 da BR 153, quando a PRF deu ordem de parada. O condutor da moto de 20 anos encontrava-se em visível estado de embriaguez, bastante alterado, agressivo e não colaborativo durante a abordagem, segundo a polícia. Ele ainda se recusou a ser submetido ao teste de alcoolemia.
  
Já no km 471 da BR 153, em Miracema do Tocantins, a PRF foi acionada para atender um acidente de trânsito envolvendo um carro de passeio que era conduzido por um homem de 36 anos, sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Dentro do veículo foram encontradas 3 munições intactas de calibre 22, dentro de um pote.

Com o teste do etilômetro, foi constatado o teor de 0.71 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, sendo considerado, conforme a Portaria n.º 369/2021/INMETRO, o valor de 0.65 mg/L. 

O indivíduo deve responder por pelo menos três crimes, já que foram constatados, a princípio, os seguintes delitos: porte ilegal de arma de fogo de uso permitido (munições); conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool e dirigir veículo automotor, em via pública, sem a devida permissão para dirigir ou habilitação ou, ainda, se cassado o direito de dirigir, gerando perigo de dano..

Leia Também:

Os condutores foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil dos respectivos municípios para as medidas cabíveis. Não foi possível entrar em contato com a defesa deles, pois a identidade dos detidos não foi divulgada.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!